Destinos

2020 e 20 locais em Portugal e Espanha que não pode perder – 1º Parte

Share this post

A Península Ibérica é uma verdadeira caixa de surpresas se estivermos dispostos a descobrir e aprofundar tudo o que de bonito e interessante temos aqui.

Este artigo começa numa primeira parte e não sabendo quantas partes terá (e não importa), temos como propósito levar a conhecer melhor o nosso país e os nossos vizinhos. Dois países tão diferentes, tão diversos e tão ricos.

Braga, Portugal

Vamos começar a norte com Braga. Jovem, charmosa e com atrativos que muitas pessoas não conseguem ver porque se ficam só pelo incrível Bom Jesus de Braga. Mas Braga tem o Arco da Porta Nova, tem a Igreja da Misericórdia de Braga, tem a Capela de São Geraldo, tem o Largo do Paço, tem o Paço Episcopal Bracarense, tem o Chafariz dos Castelos, a Biblioteca Municipal, o Jardim do Largo do Município, a bonita Câmara Municipal de Braga, tem a Praça Conde de Agrolongo, a Igreja do Pópulo, o Lar Conde de Agrolongo coladinho ao Convento do Salvador. Deve visitar também o Antigo Paço Arquiepiscopal, o Paço Medieval de Braga e o Jardim de Santa Bárbara.

Braga, o encanto e por isso, marque na sua agenda uma visita!

La Coruña, Espanha

A Coruña é belíssima e todo o caminho até lá também. Se subir, aproveite e pare nas Ilhas Cíes para uma visita. Na cidade, visite por favor a Avenida da Marina, onde fica o porto e marinha da cidade, até à região da Praça Maria Pita. Coisas obrigatórias na cidade são as igrejas: Iglesia de Santiago, Iglesia de Santo Domingo e a Iglesia de San Francisco. O Museu das Belas Artes de La Coruña é isso mesmo: Belas Artes que merecem ser vistas por pessoas que apreciam o belo e as artes. A Torre de Hércules merece muito ser vista também. É um dos principais pontos turísticos e é um dos símbolos da cidade.

Depois, nas ruas, deixe-se deslumbrar por esta cidade e aprecie o detalhe. Vai-se surpreender.

Lagos, Portugal

Lagos é daquelas cidades encantadoras que nos ficam e apetece voltar. Lá, coloque o olho nos seguintes locais: na Avenida dos Descobrimentos que fica na marginal ribeirinha e onde pode comprar artesanato. A Marina de Lagos será sempre um bom lugar para relaxar, beber um café, um chá (frio ou quente) e observar os bonitos barcos. Um local obrigatório é a Caravela Boa Esperança que está lá ancorada. É uma caravela quinhentista e merece ser explorada. O Mercado Municipal de Lagos é um excelente local para visitar, fotografar e claro, comprar coisas boas e coisas bonitas. A Praça Gil Eanes e a Igreja de Santo António são mais locais onde deve prestar uma visita obrigatória. Mais locais de referência. O Museu Municipal Dr. José Formosinho, a Praça Infante Dom Henrique com uma bela estátua ao referido Infante, o Mercado de Escravos – Núcleo Museológico Rota da Escravatura, o Castelo dos Governadores e o Forte Ponta da Bandeira.

Depois de visitar tudo isto, lembre-se que Lagos tem praias incríveis e que merece então um descanso!

Esta é a primeira parte de um roteiro que pretendemos funcional e inspiracional para si. Boas visitas!

Vamos fazer uma escapadinha de fim-de-semana cá dentro?

Artigos relacionados