Destinos / Viagens Baratas

City break – Bucareste

Share this post

Apesar do leste europeu ser cada vez mais um destino procurado, Bucareste, e a Roménia de uma forma geral, permanecem em relativo anonimato.

No entanto, o seu ambiente mais calmo, atmosfera vintage, pincelada por uma cultura artística intensa, são fortes atributos que fazem com que a capital da Roménia mereça uma oportunidade de ser visitada.

Sobre esta cidade erigida no cimo de uma colina, o jornal El País disse o seguinte:

“uma das cidades europeias mais atrativas ainda por explorar pelo viajante”- El País

No decorrer deste artigo, vamos mostrar um pouco mais de Bucareste e o que a torna especial.

Palácio do Parlamento, o delírio de Ceausescu

Esta é a atração mais conhecida de Bucareste. A sua fama deve-se em parte à história (e à polémica) que a persegue. Passamos a explicar. O passado recente da Roménia está marcado por Ceausescu, um ditador sanguinário. Foi o mesmo Ceausescu que ordenou arrasar um bairro inteiro para construir este colossal palácio. O Palácio que falamos conta com 12 andares, 84 metros de altura acima do solo, 1.100 salas decoradas com mármores da Transilvânia e ocupa um total de 330 mil metros quadrados. Mais – e para que todos possamos compreender a dimensão deste símbolo – é considerado o segundo maior edifício administrativo do mundo, sendo superado apenas pelo Pentágono.

A residência do Drácula afinal é em Bucareste

Muitas pessoas rumam até ao Castelo de Bran, na famigerada Transilvânia, à procura do Conde Drácula. Acontece que o tão conhecido Conde Drácula chama-se, na verdade, Vlad, o Empalador, e a sua residência real fica em Bucareste.

Mas já que estamos a esclarecer as coisas, o Palácio dá pelo nome de Palácio Curtea Veche. Uma obra do século XV. Além do palácio, poderá também encontrar um busto deste conde, um dos mais temidos de que há memória.

Igreja e Mosteiro de Stavropoleus

Em Bucareste confluem diversas religiões, como a ortodoxa cristã, católica cristã e a judaica. Este fenómeno é típico da região dos Balcãs, dando assim um dinamismo cultural diferente à capital da Roménia. Aqui, podemos ver igrejas de diversos estilos e credos, o que é incrível.

E por falar em incrível… Não deixe de visitar a Igreja e Mosteiro de Stavropoleus (cidade da cruz, numa tradução literal). É um dos melhores exemplares da arquitetura brâncovenesc, a arquitetura renascentista romena. Este estilo junta influências do bizantino, otomano, renascentista e barroco, sendo desta forma, uma síntese perfeita da multiculturalidade da região.

Passagem Macca-Vilacrosse, um segredo para descobrir

Se tem um espírito curioso e adora descobrir tesouros escondidos, aponte este nome: passagem Macca-Vulacrosse. A passagem em forma de ferradura é uma antiga via rodoviária, atualmente transformada numa bonita zona de comércio, com elegantes cafés.

Um Jardim escondido na capital

É verdade, Bucareste tem mais mistérios por descobrir!

O Jardim chama-se Gradina Eden. De dia funciona como esplanada e à noite recebe espetáculos. O ambiente é extremamente descontraído e chama ao convívio: há pufes, redes para relaxar penduradas em árvores e mesas de madeira. Tudo isto no meio da natureza.

Assim é Bucareste. Uma surpresa, com autenticidade e charme próprio. Esta é mais uma sugestão de viagem, em estilo city-break, para que, quando for possível voltar a viajar, não faltem locais para descobrir!

Artigos relacionados