7 recomendações para se divertir na neve em segurança

Top Atlântico / Atualizado a
Um pouco por toda a Europa, a neve já começou a marcar presença nas zonas montanhosas, como os Alpes Suíços, tão procuradas nesta altura do ano para a prática dos desportos de inverno. Seja fazer esqui e snowboard, andar de trenó ou fazer bonecos de neve à escala humana, o importante é divertir-se em segurança. Se já começou a planear a sua ida à neve, então estas recomendações são para si.

1.Que equipamento deve levar na mala?

Mais do que garantir que não passa frio na neve, o equipamento é fundamental por uma questão de se manter em segurança enquanto pratica qualquer desporto. Assim sendo, este é o equipamento que deve mesmo levar consigo: – Roupa adequada ao seu tamanho (casaco, calças e luvas), com isolamento térmico, resistente e impermeável; – Óculos de sol próprios para a neve e máscara de esqui/snowboard; – Gorro para o frio e chapéu para o sol; – Protetor solar e batom para o cieiro com FPS 50+; – Os esquis e batons, as botas, a prancha de snowboard e o capacete podem ser reservados nas estâncias. Por fim, opte sempre por levar e usar peças de algodão e evite as de lã, incluindo as meias, pois todos os locais são bastante aquecidos.

2.Como escolher a melhor estância?

Decerto que terá sugestões de amigos e pode sempre pesquisar programas, mas a escolha da estância deve surgir de acordo com aquilo que procura em termos do nível de experiência. Em todo o caso, tenha em consideração que cada estância apresenta um grau de risco quanto à possibilidade de ocorrer uma avalanche. Por essa razão, não se deve esquiar em zonas interditas, tais como as zonas fora das pistas.

3.Que preparação física deve ter?

Se estar na neve pode e dever ser divertido, verdade seja dita que os acidentes podem acontecer a qualquer momento. Para diminuir o risco de ficar lesionado, convém aderir a um curso de iniciação, além de ser importante ter alguma preparação física e ir cuidando de si ao longo da estadia com alongamentos, descanso e ingestão de líquidos. As estâncias têm parcerias com escolas e as aulas podem ser em grupo ou particulares, incluindo para crianças. Para quem pratica há algum tempo, poderá fazer na mesma um pequeno curso só para rever as técnicas e recomendações de segurança.

4.E agora, praticar esqui ou snowboard?

Quando se trata das atividades disponíveis nas estâncias de neve, os gostos dividem-se. Tanto o esqui como o snowboard são desportos praticados em grande altitude que implicam perigos e cuidados. Há quem prefira fazer esqui porque considera mais fácil e consegue deslizar em grande velocidade. Por outro lado, e em particular nos casos em que já se costuma praticar surf, quem gosta de fazer acrobacias prefere o snowboard.

5.Seja esqui ou snowboard, faça em segurança.

Precisamente por serem desportos algo perigosos, mediante condições climatéricas bastante rigorosas e imprevisíveis, é crucial seguir algumas indicações. – Use sempre o equipamento adequado e em particular o capacete; – Faça alongamentos antes das primeiras descidas e no final do dia; – Escolha pistas com menos pessoas e evite as laterais das pistas; – Respeite sempre as marcações das pistas; – Seja prudente e vá-se adaptando aos graus de dificuldade; – Nunca esquie fora das pistas ou entre em zonas interditas; – Beba muitos líquidos e alimente-se de forma equilibrada.

6.Memorize o código de cores das pistas.

Para reconhecer o grau de dificuldade nas pistas, é-lhes atribuído um código de cores composto por verde, azul, vermelho e preto. Assim, os mais inexperientes deverão usar pistas de cor verde e azul, por serem mais fáceis de percorrer. Quem é mais experiente e domina na perfeição as técnicas de esqui ou snowboard, poderá usar as pistas vermelhas e pretas.

7.Faça um seguro de viagem neve/esqui.

Por fim, além do Cartão Europeu de Seguro de Doença que é providenciado pela Segurança Social, recomendamos vivamente que faça um seguro de viagem para neve/esqui. Saiba tudo aqui.

Agora que já sabe como desfrutar da neve em segurança, reúna alguns amigos e comece a planear as férias de inverno.