Os famosos Cenotes do México: quais os mais bonitos?

Joana Santana / Atualizado a

Além das praias de sonho, uma ótima gastronomia, muita história e, claro, muita música, o México é um país repleto de belezas naturais! Entre os seus maiores tesouros estão os tão famosos cenotes que tanto dão que falar.

Mas vamos por partes, afinal o que são estes sítios que parecem mágicos que se dão pelo nome de cenotes? Os cenotes são poços naturais de água doce formados pelo colapso de rochas calcárias, que expõem águas subterrâneas cristalinas. Estes locais, além de serem um verdadeiro espetáculo visual, têm grande importância histórica e cultural uma vez que eram considerados sagrados pela antiga civilização maia. Já se imaginou a mergulhar em águas transparentes rodeadas por formações rochosas deslumbrantes e vegetação exuberante? É que é exatamente esta a experiência que os cenotes oferecem e é por isso que são paragens obrigatórias para quem visita o México.

No entanto, no meio de tantos, e numa curta viagem ao México é natural que se sinta confuso sobre quais visitar. Por isso mesmo, hoje trazemos uma seleção dos 9 cenotes mais bonitos que tem mesmo de visitar numa viagem a este país das Caraíbas.

Cenote Ik Kil

cenote ik kil, méxico

Situado perto de Chichén Itzá, o Cenote Ik Kil é um dos mais populares e visitados do México. Com as águas azuis profundas e a vegetação em todo o redor, este cenote é um verdadeiro paraíso tropical. Ik Kil tem cerca de 60 metros de diâmetro e 40 metros de profundidade. Mas a beleza deste cenote não está apenas na água cristalina, mas também na experiência de descer uma escadaria esculpida na rocha até à plataforma de onde pode saltar para a água. Entre pessoas deliciadas a nadar, é também comum encontrar mergulhadores explorar as profundezas deste sítio encantado.

Cenote Dos Ojos

Já por Riviera Maya, o Cenote Dos Ojos chama a atenção pelas suas cavernas subaquáticas que se estendem por mais de 80 quilómetros. O nome “Dos Ojos” (Dois Olhos) deve-se aos dois poços circulares conectados por um vasto sistema de grutas. Este cenote é perfeito para mergulho e snorkel porque oferece uma visibilidade incrível e uma oportunidade única de explorar formações rochosas subaquáticas. A sua popularidade deve-se tanto à beleza das suas águas como à aventura de nadar entre as grutas. É um local imperdível para os que não resistem a uma boa exploração subaquática.

dos ojos

Gran Cenote

gran cenote

Mais próximo de Tulum, o Gran Cenote é um dos mais belos e acessíveis da região. Com água tão clara, é possível ver cada peixe e planta subaquática. Por isso mesmo, é um paraíso para os amantes de mergulho e snorkel. Composto por várias áreas onde pode nadar, grutas e túneis subaquáticos, conta ainda com plataformas de madeira que facilitam o acesso. A fauna local inclui tartarugas e dezenas de peixes coloridos que adicionam um charme ainda mais especial a todo este cenário.

Cenote Azul

cenote azul, méxico

O Cenote Azul, situado perto de Playa del Carmen, é conhecido pela sua impressionante coloração azul. Com várias piscinas naturais em diferentes níveis, este cenote oferece algo para todos: tem à disposição áreas rasas para relaxar e partes mais profundas para nadar e saltar das rochas que fazem as maravilhas dos mais aventureiros. Rodeado por vegetação exuberante e com a água mais fresca que possa imaginar, o Cenote Azul é um refúgio perfeito para uma pausa no calor mexicano e é um local incrível para passar o dia, quem sabe fazer um piquenique e, claro, explorar as várias piscinas naturais.

Cenote Calavera

calavera

Também próximo de Tulum, o Cenote Calavera, é conhecido pela sua forma única e pelo curioso nome que o identifica – caveira, em português. Este nome advém da entrada para este cenote que é feita por três buracos no solo que se assemelham aos olhos e boca de uma caveira. Especialmente popular entre os amantes de saltos para à agua devido à sua profundidade e à adrenalina de conseguir saltar pelos buracos estreitos, este cenote é uma verdadeira mistura de emoções.

Cenote Samula

cenote samula, méxico

Situado em Dzitnup, o Cenote Samula é uma maravilha subterrânea. A entrada é feita por uma escadaria que desce até uma gruta imensa, onde a luz solar penetra através de um pequeno buraco no teto, iluminando a água cristalina e criando um efeito tão mágico que nem vai sentir que está num sítio real. A vegetação cai do teto da caverna e as raízes chegam até à água, criando um cenário verdadeiramente idílico que mais parece saído de um conto de fadas!

Cenote Xkeken

Cenote Xkeken, méxico

Também conhecido como Cenote Dzitnup, o Cenote Xkeken destaca-se pelas suas formações de estalactites e estalagmites. Localizado perto de Valladolid, oferece uma experiência única de nadar numa caverna adornada com impressionantes formações rochosas. A iluminação natural e artificial dentro do cenote realça a beleza das estalactites e da água azul-turquesa. Apesar de ser absolutamente espetacular, é um local mais tranquilo e menos movimentado, perfeito para quem procura uma experiência mais íntima e contemplativa.

Cenote Suytun

cenote suytun, méxico

Mesmo ao lado de Xkeken, está o Cenote Suytun. Por isso mesmo, várias vezes estes dois cenotes são confundidos. Mas Suytun é um dos mais icónicos e o seu nome significa “pedra central” graças à plataforma de pedra que se projeta no meio da água. Situado num caverna, este cenote ilumina-se através de um pequeno buraco no teto, através do qual a luz solar entra, destacando a plataforma central e criando um efeito quase sobrenatural. Tal como o cenote de Xkeken, estalactites e estalagmites estão formadas por toda a parte e dão ainda mais vida e encanto ao espaço.

Cenote Sagrado

cenote sagrado, méxico

Conhecido como Cenote Sagrado de Chichén Itzá, este é um dos cenotes mais carregados de história. Utilizado pelos maias para sacrifícios e oferendas, aqui encontra um ambiente místico que atrai turistas de todo o mundo. Ao contrário de outros, aqui não pode nadar, mas a sua importância histórica e cultural faz com que seja um ponto de visita obrigatório. As águas verdes e as margens ladeadas por vegetação densa criam um cenário impressionante, perfeito para fotografias e para entender melhor a conexão dos maias com a natureza e os seus deuses.

Os cenotes do México são verdadeiras maravilhas naturais que oferecem experiências inesquecíveis, sendo daqueles locais que todos deviam conseguir visitar, pelo menos, uma vez na vida. Na sua próxima viagem ao México, não deixe de fora a possibilidade de conhecer pelo menos um cenote. Garantimos que não se vai arrepender! E, se estiver com dúvidas de que uma viagem por terras mexicanas pode tornar-se aborrecida, lembre-se que em por todo o país e, principalmente na parte mais popular – Riviera Maya – há muito, mas muito mais para fazer se maravilhar do que apenas estar na praia. Aceita o desafio?