Lifestyle

Dicas para fazer a sua mala das férias de verão

Share this post

Parecendo simples, organizar as malas das férias tem muito que se lhe diga.

Com a experiência, aprendemos a simplificar e a levar o que é mesmo necessário, em particular se for para viajar de avião, mas aqui ficam algumas dicas.

Considere a duração, destino e clima

Supostamente, no verão é quando podemos vestir menos roupa ou, pelo menos, usar peças mais simples. Porém, antes mesmo de começar a fazer as malas, é importante ter em conta quantos dias estará fora de casa, qual o destino (cá dentro ou lá fora; na praia, campo ou cidade) e, por último, o clima.

Uns dias antes de partir e até mesmo de preparar a mala, consulte o estado do tempo para onde irá viajar. Seja como for, a ideia é levar o menos peso possível.

Escolha a mala ideal

A escolha do tipo e tamanho de mala é feita com base na duração das férias, o destino e o respetivo clima. Seja pequena, média ou grande, vai sempre depender de quanto tempo ficará. Porém, já sabemos que malas grandes são mais dispendiosas (de avião), volumosas (de carro) e, claro, pesadas (para circular).

Se viajar de avião, as malas rígidas são mais resistentes e práticas (pelo material e pelo fato de terem rodas).

Se viajar de carro, o melhor é optar por malas semi-rígidas para conseguir uma maior arrumação na viatura. Como têm bolsos exteriores, permite-lhe aceder mais facilmente a certos objetos durante a viagem.

Contemple todas as ocasiões

Os dias de férias começam logo de manhã e costumam terminar à noitinha. Podem incluir idas à praia, passeios pelo campo ou na cidade, caminhadas ligeiras ou longas, atividades calmas ou radicais, no mar, no rio ou em paisagens verdejantes, noites calmas e românticas ou cheias de animação, formais ou informais.

Sejam quais forem as ocasiões previstas, nada como ir preparado para todas elas e mais alguma. Vamos então ao tipo de roupa e outros itens que devem constar numa mala de férias de verão, sendo que a quantidade deverá ser reduzida ao essencial para o tempo previstos.

Roupa dia: Com as temperaturas mais quentes durante o dia, opte por peças de roupa descontraídas e frescas, com tecidos leves (algodão, linho), como é o caso de t-shirts, sweatshirts, blusas neutras, vestidos e saias, calções e as clássicas calças de ganga. Roupa interior (cuecas, meias e soutiens, se for o caso), fatos de banho e toalhas de praia são obrigatórios.

Roupa noite: Sendo férias, opte por roupa descontraída (camisas e blusas com padrões, calças, camisolas, casaco de malha ou blazer de verão), uma ou outra peça mais elegante a pensar numa saída romântica (vestido, blazer de verão, camisas neutras, calças) e ainda um pijama confortável.

Acessórios: Seja por uma questão prática (chapéus, óculos de sol) ou como adereço (colares, pulseiras, anéis, ganchos ou elásticos para o cabelo, escova de cabelo), leve apenas o essencial para ocupar pouco espaço na mala.

Calçado: Quanto aos sapatos, convém ir bem preparado para os vários momentos do dia e até para o local de férias. Assim, inclua sandálias, chinelos de praia, ténis para caminhar, umas alpercatas e um par de sapatos fechados para as saídas à noite.

Artigos de higiene: Além dos produtos mais básicos, como o gel de banho, champô e amaciador, creme de rosto e de barbear, escova de dentes e dentífrico, inclua o protetor solar (idealmente +50) e um after sun.

Rentabilize o interior da mala

Colocar numa só mala todas as peças de roupa, calçado, toalha de praia e sapatos, é o maior desafio de todos. Há quem prefira colocar tudo dobrado, mas dizem os entendidos que a melhor técnica é enrolar. Não só vão caber mais peças, como a roupa não ficará enxovalhada. Tem dúvidas? Experimente e comprove.

Deixamos aqui algumas sugestões para se organizar:

  • Comece por usar um saco de plástico (que servirá depois para colocar a roupa suja) para forrar a mala. Zero espaço ocupado.
  • Em baixo, estenda as peças maiores, como as calças, seguindo-se as que não podem ser enroladas (camisas, vestidos, saias e calções). Tente manter cada camada o mais plana possível.
  • Use um casaco para “abraçar” a roupa enrolada (t-shirts, sweatshirts, blusas, camisolas, roupa interior) e coloque na parte de cima o pijama para ficar logo acessível, as peças mais delicadas (lingerie), acessórios e artigos de higiene. Finalize com a toalha de praia para proteger tudo e use as bolsas laterais para os sapatos.

Previna-se com o essencial

Porque os imprevistos acontecem em qualquer altura e lugar do mundo, nada como viajar prevenido.

  • Leve consigo um pequeno kit completo de primeiros socorros, encontram-se facilmente nos supermercados.
  • Ninguém pensa que vai ficar com roupa rasgada ou descosida, mas um kit de costura quase não ocupa lugar na bolsa dos acessórios e pode ser muito útil.
  • Se tenciona ir para o campo ou fazer caminhadas em zonas com bastante vegetação, leve um anti-mosquitos.
  • Caso o seu destino seja um país tropical, recomendamos que leve um impermeável ou até mesmo um chapéu de chuva, para o caso de se cruzar com alguma tempestade.
  • Na bagagem de mão, seguem os documentos pessoais, passagens aéreas se for o caso, carteira, telemóvel, máquina fotográfica e outros bens pessoais que lhe são indispensáveis.

Por fim, faça uma check-list com tudo aquilo que tenciona colocar dentro da mala de viagem, evitando passar o caminho todo a pensar “será que trouxe tudo comigo?”

Tenha umas boas férias na praia, no campo ou na cidade!

PESQUISAR DESTINOS DE FÉRIAS

Artigos relacionados