Como se celebra o Natal na Madeira

Joana Santana / Atualizado a

Se é um grande fã da época natalícia, então largue tudo o que está a fazer e marque já uma viagem para a Madeira no mês de dezembro. Os madeirenses levam a tradição muito a sério e celebram o natal (muito) bem e como poucos.

A “Festa”, a maneira como é chamada, na Madeira, a quadra natalícia dura um mês e meio e é repleta de animação e atividades. Os festejos começam a 1 de dezembro e só terminam a 15 de janeiro.

Vividas efusivamente, as celebrações de Natal na Madeira conjugam momentos religiosos com culturais, muita música, as belas paisagens madeirenses, a união entre familiares e amigos e, claro, uma gastronomia de babar. Descubra tudo sobre como se celebra o Natal na Madeira e prepare-se já para ir a correr fazer as malas!

Decoração das ruas

como se celebra o natal na madeira

Na Madeira, as decorações das casas são levadas muito a sério e as da ruas também! Todos os anos, as ruas ganham vida com as iluminações de natal e as várias decorações. Existem várias árvores de natal espalhadas, todas decoradas de maneiras diferentes. A maior, encontra-se na Praça do Povo e tem cerca de 30 metros de altura! O Pai Natal também não poderia faltar e, ao passar pela Avenida Arriaga, encontrará um com mais de 3 metros de altura.

Presépios

presépio madeirense

Naturalmente, o presépio também não poderia faltar! São vários os espalhados pela ilha, todos muito diferentes, a fim de transmitir a criatividade, tradição e devoção da população madeirense. Mas se pensa que estamos a falar de presépios normais, está enganado. Na Madeira, os presépios são conhecidos como “Lapinha” ou “Escadinha”, dependendo da forma como são feitos.

O primeiro, a “Lapinha”, representa uma Madeira em ponto pequeno em que se simula uma caverna de pedra e madeira e se representa a origem vulcânica da ilha. As figuras tradicionais do presépio como o menino Jesus, José, Maria, os pastores, entre outros, também fazem parte, mas vestidos com trajes madeirenses. Em segundo lugar, a “Escadinha”, cria, como o próprio nome indica, uma escada de três degraus em cima de uma mesa decorada com uma toalha com bordados da Madeira, vasos de flores, imagens de pastores, frutas e o menino Jesus no topo.

Exposição Mesas de Natal

como se celebra o natal na madeira

Para que no almoço de Natal faça um brilharete em frente a toda a família, todos os anos decorre a exposição “Mesas de Natal”. Organizada pela Bordal, a fábrica de bordados da Madeira, lá pode encontrar várias mesas pormenorizadamente decoradas e cada uma mais bonita que a outra. Um ótimo lugar de inspiração onde, ao visitar, além de se maravilhar, poderá tirar ideias para a decoração da sua mesa de casa.

Aldeia de Natal das Crianças

como se celebra o natal na madeira

Apesar de apelidada de Aldeia de Natal das Crianças, o Jardim Municipal do Funchal veste-se de Natal para animar miúdos… e graúdos! Com o comboio de Natal, casinhas de duendes, o trenó do Pai Natal e muitos outros elementos natalícios, é ali criado o ambiente perfeito para sentir o Natal na pele e ter um bom momento de convívio entre todos.

Mercados de Natal

como se celebra o natal na madeira

Quem não adora mercados de natal? Ao longo de todo mês pode encontrar um mercado de natal na Avenida Arriaga onde, além de fazer compras, consegue sentir o espírito natalício madeirense. No entanto, o santo graal dos mercados de natal acontece na noite do dia 23 de dezembro, no famoso Mercado dos Lavradores. As ruas fecham ao trânsito e dão lugar a barracas, muita música e animação. São milhares os visitantes que por lá passam para comprar os últimos preparativos de Natal e, principalmente, conviver noite fora.

Missas do Parto e Missa do Galo

como se celebra o natal na madeira

Muito popular na Madeira são as Missas do Parto e a Missa do Galo! As Missas do Parto são 9 e decorrem de 16 a 24 de dezembro, todos os dias, entre as cinco e as sete da manhã. Cada uma das missas tem o propósito de representar cada um dos meses de gestação de Maria. No fim, prolonga-se no adro das igrejas com cantares tradicionais e comes e bebes entre os fiéis e visitantes. Já a Missa do Galo, é realizada dia 25 de dezembro, à meia-noite, para honrar o nascimento de Jesus e, posteriormente, continua também no adro da igreja com convívio, comida e bebida até ao nascer do sol.

Ótima gastronomia

bolo de mel madeirense

Na Madeira, o bacalhau também é tradição à mesa. Além disso, juntam-se a canja de galinha, as sandes de carne de porco em vinha d’alhos, o cozido à portuguesa e o peru. Como um docinho – ou vários – não pode faltar, não falha à mesa as tradicionais rabanadas, o bolo de mel, as broas de mel e manteiga, o bolo preto, o bolo podre da Madeira, entre muitos outros petiscos e doces de comer e chorar por mais.

Uma das melhores Passagens de Ano do mundo

passagem de ano na madeira

A cereja no topo do bolo das celebrações do Natal na Ilha da Madeira chega com a Passagem de Ano. Não apenas pelo mais incrível espetáculo fogo de artifício, mas por toda a experiência que se vive a entrar no novo ano. Com milhares de visitantes, todos os anos, a passagem de ano é peça chave das celebrações do Natal madeirense.

Varrer dos armários

varrer dos armários
Photo by cultura.madeira.gov.pt

Porque a festa também chega ao fim, de 14 para 15 de janeiro dá-se o “varrer dos armários” que marca o fim das celebrações natalícias, coincidindo com o dia de Santo Amaro. Retiram-se as iluminações, são desmontados os presépios, as árvores e guardadas as decorações de Natal. Há um último convívio entre amigos e família e, simultaneamente, alguns grupos de vassoura e pá em punho percorrem as ruas com cantares.

No Natal, a Madeira ganha um brilho (ainda) mais especial! Além de ter tradições muito curiosas e uma passagem de ano inesquecível, a Madeira tem um plus que não encontra em Portugal Continental: uma temperatura agradável e amena. É o local ideal para uma escapadinha de dezembro para viver o espírito natalício sem luvas e golas altas ou para receber o novo ano com uma noite inesquecível de passagem de ano.