Destinos

O dia do amor convertido em amar viajar!

Share this post

Uma pergunta, ou duas na verdade, que se colocam imediatamente quando pensamos no dia do amor são:

  1. Como podemos surpreender a nossa cara-metade?
  2. Onde podemos, neste mundo, amar bem?

A resposta passa sempre pela mesma palavra e pelo mesmo conceito: viagens! E já sabe: viagens é mesmo connosco!

O amor na cidade do amor: Paris

Temos de começar por aqui e claro, pela Torre Eiffel! Aproveite: o dia 14 de fevereiro é o melhor dia do ano também para propor a sua cara-metade em casamento e qual o melhor local? Paris e a Torre Eiffel!

Sabe porque dizemos da abundância e grandeza: “é à grande e à francesa”? Não? Vai perceber aqui: comece pelo Palácio e pelos Jardins de Versalhes. Grandes, enormes e lindos. Passeie com tempo pelo Rio Sena de barco e claro, o Museu do Louvre!

Arco do Triunfo será sempre obrigatório e para quem gosta de Museus, o Museu de Orsay. O Molin Rouge dará cor ao vosso dia e à vossa noite!

Cores também tem, e muitas na Disneyland Paris! Vamos lá?

Romance, amor e carnaval em Veneza

A cidade do romance, a cidade dos cristais (de Murano) e do amor que deve ser tratado como um bonito cristal colorido.

Aqui também tem um local incrível para pedir a sua cara metade em casamento: o centro, bem no centro da Piazza San Marco.

Mas Veneza é mais do que a Gondolas e a Piazza San Marco. Veneza é o Grande Canal, é a incrível Ponte de Rialto sem esquecer o Mercati di Rialto e é a Igreja Santa Maria della Salute e é o Dorsoduro.

Por lá, visitas obrigatórias serão sempre: Basilica di San Marco, o Pallazo Ducale, a Ponte dos Suspiros a Campanile di San Marco e Torre dell’orologio, o Museo Correr. Faça, se puder, um Passeio de Gôndola!

A harmonia do amor em Quioto

Quioto está classificada como uma das cidades mais românticas do mundo. De facto, tudo ajuda a esta classificação. Os edifícios e arquitetura dos finais do século XIX tipicamente cultura japonesa são inundados da luz e da tranquilidade que só aquela cidade tem. Quioto é o dualismo: é uma cidade enorme e pequena. Vá lá, vai ver o que queremos dizer com isto. Os templos que aqui vivem foram declarados Património da Humanidade pela Unesco.

Por Quioto, deve parar e sentir estes locais que recomendamos muito: Fushimi-Inari, Kyomizu Dera, Templos e ruas de Higashiyama, Jardins Maruyama, Templo Yasaka, Chio-in, Shoren-in. Passem a noite no Gyon!

Estamos do lado do amor e dos amantes e dos namorados e dos casados-namorados e encontra-nos sempre aqui! Viaje connosco!

Vamos oferecer viagens ao amor?

Artigos relacionados