Há uma livraria no Porto que vende 1200 livros por dia

Top Atlântico / Publicado a
No número 144 da Rua das Carmelitas, em pleno centro histórico da cidade do Porto, encontra-se a magnífica Livraria Lello. Considerada uma das mais bonitas do mundo, incluindo pelo jornal britânico The Guardian e pelo guia de viagens Lonely Planet, atualmente é o “maior exportador de cultura e de literatura nacional” com a venda de 1200 livros por dia, de acordo com a administradora Aurora Pedro Pinto. Um feito que se conjuga com os cerca de 4 mil visitantes que todos os dias visitam a Livraria Lello à procura de um deslumbramento que sempre acaba por acontecer. Inaugurado em 1906, o edifício da livraria destaca-se pelo estilo neogótico combinado com Art Nouveau e Art Déco, e pela sua escadaria no interior, além dos tetos trabalhados ao pormenor e um magnífico vitral. Ao todo, são 112 anos de Livraria Lello em homenagem aos livros e a quem não abdica de sonhar através das palavras. Para entrar é necessário pagar cinco euros, mas atenção que podem ser trocados por livros e existe mesmo uma programação cultural destinada a todos os visitantes, em especial aos portugueses. A ser preciso viajar até ao Porto, então aproveite esta oportunidade para fazer um city break na “cidade invicta”. Nada como uma escapadinha para visitar a Sé do Porto, o Palácio da Bolsa, a Torre dos Clérigos ou saborear um bom Vinho do Porto nas caves em Vila Nova de Gaia.

Bom passeio e boas leituras na livraria mais antiga de Portugal.